Prepare sua empresa para a próxima revolução digital e tecnológica no pós-Coronavírus

De repente, nossa vida social, nosso trabalho, nossos negócios, consumo e lazer viraram de cabeça para baixo. A pandemia de Coronavírus, anunciada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em 11 de março, trouxe, além de medo, a obrigatoriedade do distanciamento social.

Diversos países, inclusive o Brasil, adotaram a quarentena como estratégia para tentar conter o avanço dessa doença de disseminação global. Para muitas pessoas, foi uma surpresa bastante amarga e desagradável, porém indiscutivelmente necessária.

Nós não estávamos preparados para isso, nem para o que viria em seguida. Semanas de isolamento, comércio fechado, negócios abalados e a pior crise econômica desde a Grande Depressão de 1929. De acordo com o FMI (Fundo Monetário Internacional), a economia mundial terá uma contração de 3% em 2020.

Mas esse cenário caótico pode também trazer grandes oportunidades para as empresas e empreendedores dispostos a investir no mercado digital. A primeira coisa que precisamos ter em mente é que estamos em um momento propício para ressignificar diversos aspectos de nossas vidas, inclusive a forma como administramos nossos negócios.

Sua empresa está preparada para a próxima revolução digital e tecnológica que chegará com o pós-Coronavírus?

Como o Coronavírus afetou os negócios?

A crise mundial causada pelo Coronavírus abriu um caminho significativo para a próxima revolução digital e tecnológica, e seu negócio precisa se adaptar agora para surfar essa nova onda.

O futuro será a casa da inovação, do mobile, dos aplicativos móveis, da cultura colaborativa, da saúde, da telemedicina, das novas mídias e ferramentas de comunicação.

Quer um exemplo básico da importância da tecnologia? Antes da Covid-19, era comum encontrar grandes restaurantes, caros e sofisticados, que simplesmente ignoravam os aplicativos de delivery, como iFood e Uber Eats.

Na cabeça de muitos administradores dessas casas, oferecer seus pratos da alta gastronomia no delivery era algo desnecessário, afinal eles eram famosos e badalados.

Com a chegada do Coronavírus, no entanto, muitas dessas casas se viram obrigadas a se cadastrar nos apps, já que ficaram impedidas de abrirem suas portas para o público. O take-out (ou take-away) e o delivery tiveram um crescimento extraordinário no ramo gastronômico, e quem precisava continuar vendendo teve que se adaptar.

Algumas novidades surgiram nesse segmento. O Uber Eats, por exemplo, passou a entregar produtos de farmácia, petshop e conveniência, com parcerias firmadas no Brasil com empresas como Pague Menos, Cobasi e Shell. Essa expansão, com as novas categorias de delivery, começou na cidade de São Paulo, mas será levada para outras localidades. Vale lembrar que, atualmente, o Uber Eats tem 22 milhões de usuários no Brasil.

Nos Estados Unidos, o Uber Eats criou um número telefônico gratuito para atender clientes idosos com pouca habilidade para usar o smartphone ou o computador para fazer pedidos nos restaurantes. Pelo telefone, um agente de atendimento fala sobre as opções de cardápios e preços e finaliza o pedido. Com essas e outras ações, os pedidos do Uber Eats dobraram em março de 2020 em várias regiões do mundo.

O app brasileiro iFood também cresceu nesse período de Coronavírus. O aplicativo atende 26,6 milhões de pedidos todos os meses e está disponível em 912 cidades do país.

O que essas informações trazem de insights para você que tem um pequeno restaurante, uma lanchonete ou uma grande cantina, osteria ou outro modelo de restaurante? Seu negócio já está nos aplicativos?

Está na hora de começar a rever todas as objeções que sua empresa fez até agora em relação à presença digital! O marketing digital e as soluções de tecnologia serão fundamentais para a manutenção de muitos negócios daqui para frente.

Esse é apenas um exemplo de segmento que precisa se adaptar para sobreviver e crescer na revolução digital e tecnológica pós-Coronavírus.

Impactos da revolução tecnológica digital

Muitos especialistas em revolução digital e tecnológica são unânimes ao afirmar que a pandemia de Coronavírus nos colocou diante de um cenário poderoso e doloroso de protagonismo das ferramentas digitais. As soluções mobile, a internet, o streaming e as tecnologias de trabalho remoto vão pautar a atuação de todos os negócios, empresas e segmentos do mercado.

Varejo, supermercados, medicina, entretenimento, educação, serviços financeiros, métodos de pagamento online, consultorias, finanças, investimentos, tudo será cada vez mais conectado com a tecnologia.

A pandemia terá um efeito direto nas atitudes, no estilo de vida e no comportamento social das pessoas, e isso fará com que muitos negócios cresçam, com destaque para supermercados, delivery e varejistas online.

Mas é importante entender como os hábitos de consumo estão mudando para atender às novas demandas da sociedade. Sua empresa está pronta para fazer as mudanças necessárias e se posicionar no digital para atender um novo perfil de consumidor?

O que você deve fazer para se manter competitivo?

Você deve buscar informação! Com conteúdo de qualidade, você será capaz de alinhar sua proposta de negócio às novas demandas da sociedade.

Prestação de serviços digitais, lojas virtuais, vendas pelo Instagram e Facebook e presença digital para pequenos negócios serão cada vez mais importantes. Prepare-se para a expansão do Marketing Digital a partir de hoje.

Para te ajudar, nós vamos preparar uma série de conteúdos em texto e vídeo, com dicas simples e estratégias gratuitas para colocar sua empresa na internet. Acompanhe as redes sociais da Click Textos e nosso blog nos próximos dias. Vamos apresentar um passo a passo e soluções fáceis para que você mude sua rotina de Marketing Digital agora!

 

 

Data: 16/04/2020

Voltar

Fale conosco

Formas de Pagamento

Criado por Sites & Cia

2020 | Click Textos - Agência de Conteúdos